quinta-feira, 28 de março de 2013

1) PROTEÍNA C REATIVA



No blog REUMATISMO NO BRASIL - UM PROBLEMA DE COMUNICAÇÃO, a página PARA QUE SERVE O EXAME PROTEÍNA C REATIVA é a mais visitada.

Resolvi criar este novo site, dedicado exclusivamente para a proteína C reativa, para esclarecer melhor as dúvidas sobre esse exame de laboratório.

Quem procura informações sobre proteína C reativa na internet quer saber:

1) o significado do resultado aumentado OU 

2) se está doente porque tem um resultado aumentado OU

3) se tem "reumatismo" porque o resultado está aumentado.

Dessas dúvidas, a mais fácil de esclarecer é a 3 pois proteína C reativa aumentada não significa "reumatismo" porque "reumatismo" não é uma doença, é apenas um mito popular.

Portanto, se alguém lhe disse que você "tem reumatismo" ou "reumatismo no sangue" porque a proteína C reativa está aumentada ou que a proteína C reativa aumentada "é reumatismo" ou "é reumatismo no sangue", não acredite.
Há profissionais que falam em "reumatismo" e "reumatismo no sangue", mas essa linguagem não é científica, é apenas enganação.


"Reumatismo no sangue" não existe (leia REUMATISMO NO SANGUE, PICARETAGEM E DEBOCHE).

"Reumatismo" não é uma doença, é apenas um mito popular (leia REUMATISMO NO BRASIL - UM PROBLEMA DE COMUNICAÇÃO).

Por outro lado, quem procura respostas para as dúvidas 1 e 2, precisa conhecer mais sobre o que é e para que serve o exame proteína C reativa.

Nas páginas seguintes você aprenderá sobre o

1) SIGNIFICADO CIENTÍFICO DA PROTEÍNA C REATIVA AUMENTADA

e aprenderá

2) COMO SABER SE ESTÁ DOENTE SE TEM A PROTEÍNA C REATIVA AUMENTADA




2) SIGNIFICADO CIENTÍFICO DO AUMENTO DA PROTEÍNA C REATIVA



Proteína C reativa aumentada significa morte não-natural de células em alguma parte do corpo humano.

Todos os dias há morte de células no corpo humano.
A morte de células pode ser natural e não-natural.
A morte não-natural ocorre por traumatismos, ferimentos e doenças.
As doenças que causam morte não-natural de células e por isso aumentam a proteína C reativa são as infecções, inflamações e infarto.

Quando o médico vê um resultado aumentado de proteína C reativa ele precisa lembrar de que traumatismos, ferimentos, infecções, inflamações e infartos podem causar a alteração do resultado e que o resultado do exame isoladamente não informa qual foi o motivo do aumento.

Para identificar o motivo do aumento da proteína C reativa, o médico recorre à história dos sintomas e às alterações que encontra ao exame físico (leia O EXAME MAIS IMPORTANTE EM REUMATOLOGIA).

Se não há sintomas ou alterações ao exame físico é impossível saber porque a proteína C reativa está aumentada.


VEJA A SEGUIR COMO A MORTE DE CÉLULAS DESENCADEIA A REAÇÃO BIOLÓGICA QUE AUMENTA A PROTEÍNA C REATIVA NO SANGUE


ANTERIOR           PRÓXIMA


3) MORTE DE CÉLULAS, REAÇÃO DE FASE AGUDA E AUMENTO DA PROTEÍNA C REATIVA





A morte não-natural de células desencadeia uma resposta de defesa e de reparação chamada de reação de fase aguda.

A reação de fase aguda é uma reação biológica de células e substâncias químicas que, ao mesmo tempo em que aciona os mecanismos de defesa do corpo contra a agressão, desencadeia a reparação das lesões que possam ter ocorrido.

A proteína C reativa é uma das substâncias químicas que o corpo produz quando desencadeia a reação de fase aguda mas não é a única, nem mesmo a mais importante.

Entretanto, a dosagem da proteína C reativa no sangue é o exame de laboratório mais adequado para mostrar que a reação de fase aguda está ocorrendo (leia PARA QUE SERVE O EXAME PROTEÍNA C REATIVA).


VEJA A SEGUIR: NEM TODA MORTE DE CÉLULAS AUMENTA A PROTEÍNA C REATIVA



INÍCIO     ANTERIOR     PRÓXIMA


4) MORTE DE CÉLULAS SEM REAÇÃO DE FASE AGUDA







A morte natural de células ocorre quando elas envelhecem e perdem a função.

A morte natural de células é chamada de apoptose e não desencadeia a reação de fase aguda, por isso não causa aumento da proteína C reativa.


LEIA A SEGUIR O RESUMO SOBRE MORTE DE CÉLULAS, REAÇÃO DE FASE AGUDA E AUMENTO DA PROTEÍNA C REATIVA



5) RESUMO DO SIGNIFICADO DO AUMENTO DA PROTEÍNA C REATIVA




Resumindo:

- proteína C reativa aumentada mostra que há morte não-natural de células acontecendo no corpo

mas

- não mostra em que parte do corpo estão ocorrendo as mortes de células

- nem esclarece o que as está provocando.


VEJA A SEGUIR COMO SABER ONDE ESTÃO OCORRENDO MORTES DE CÉLULAS E O QUE AS ESTÁ CAUSANDO.


INÍCIO    ANTERIOR     PRÓXIMA  



6) COMO SABER SE ALGUÉM ESTÁ DOENTE SE A PROTEÍNA C REATIVA ESTÁ AUMENTADA?




Proteína C reativa aumentada significa que há morte não-natural de células ocorrendo mas não significa que a pessoa esteja doente.

Morte não natural de células provavelmente ocorre todos os dias, em todas as pessoas, enquanto o corpo enfrenta ataques de vírus e bactérias que são eliminados pelo sistema de defesa do organismo antes de provocarem uma doença ou quando sofre traumatismos e ferimentos menores que são reparados sem que percebamos o que está acontecendo. Essas situações podem resultar em aumentos transitórios da proteína C reativa e não significam doença.

A doença é um estado anormal do organismo que altera o funcionamento de um ou mais órgãos e por isso produz sintomas.

O que caracteriza uma doença são os sintomas que produz, não é a proteína C reativa aumentada.

Podemos ver aumentos de proteína C reativa em pessoas sem sintomas e podemos ver pessoas com sintomas em que a proteína C reativa não aumenta.

Às vezes uma pessoa não tem sintomas mas apresenta uma alteração ao exame físico que permite a identificação de uma doença.

Além disso, há doenças - como o câncer - que apresentam fases sem sintomas e causam sintomas somente depois de algum tempo. Para casos assim, existem exames de prevenção, ou seja, exames para descobrir doenças sem sintomas antes que produzam os primeiros sintomas, pois o tratamento no início da doença dá melhores resultados.
A dosagem de proteína C reativa, entretanto, não é um exame para a identificação de doenças sem sintomas.

Apenas através da análise dos sintomas e das alterações do exame físico que possam haver é que o resultado aumentado da proteína C reativa pode ser interpretado para saber se significa doença ou não.
Por isso, para prevenir as doenças que causam inflamação nas articulaçōes, não adianta fazer exames de proteína C reativa indiscriminadamente; a prevenção é feita consultando um reumatologista quando surgirem os primeiros sintomas das doenças (leia PARA NÃO CONSULTAR UM REUMATOLOGISTA).



INÍCIO     ANTERIOR